Blog

Seu site foi feito por um amador?

Ao ler o texto abaixo, não se sinta ofendido se você perceber que foi enganado por um profissional mal preparado, Isto é normal. O empresário não tem obrigação de saber de tudo.

Muitos empresários caem na conversa de oportunistas que se dizem especialistas nisso ou naquilo. Todos sabemos que quem é especialista em tudo, na verdade não sabe nada.

5 pequenas dicas para identificar esse profissional

1) Seu site tem um texto que diz: melhor visualizado na resolução tal, ou no navegador tal.

Se seu site contém esse texto?, Pode começar a ficar preocupado, o verdadeiro profissional de Criação de Sites sabe desenvolver seu site para funcionar em qualquer navegador ou resolução.

Saiba que o Internet Explorer não é o único navegador que as pessoas utilizam para acessar a Internet. Muitas pessoas já estão utilizando o Firefox, Safari, Opera e o Google Chrome, sendo assim é necessário que o seu site funcione em todos.

2. O nome da sua página é "Untitled Document" ou "Documento sem título"

Se você está navegando em seu site e lá em cima, na barrinha azul do navegador, está escrito "Untitled Document" ou "Documento sem título", ou qualquer outra frase que não seja o título principal do assunto dessa determinada página, então a página não possui um título. Se esse é seu caso, você está com um sério problema.

Quando possíveis clientes forem procurar seus serviços pelo Google, por exemplo, terão grande dificuldade em achá-lo. E há quase 100% de chances de ninguém encontre seu site! Ou seja "o profissional ou o sobrinho" que criou seu site esqueceu que ele deve ser otimizado para os mecanismos de busca. Comprove você mesmo o que esses profissionais fazem. Procure no Google pela frase "Documento sem título". Esses sites nunca devem ter tido nenhum acesso espontâneo, Infelizmente!

3) Ele te promete que vai enviar seu site para centenas de sites de busca

Se ele falasse isso a 10 anos atrás, tudo bem, Mas hoje em dia seu site deve estar cadastrado nos 3 principais sites de busca do Mundo: Google, Yahoo e os sistemas de busca da Microsoft (Live, Bing, MSN). Estes sites até permitem o envio de sua URL manualmente, mas na prática o processo de cadastramento é automático, feito através de programas que são "robôs de busca" que vasculham toda a internet mundial constantemente.

Sejamos claros: não há sentido em cadastrar seu site em outras 97 ferramentas de busca que ninguém acessa!

4) Ele disse que vai fazer o site todo em Flash

O Flash é uma tecnologia do passado. Essa afirmação foi feita por Steve Jobs, o CEO da Apple:

"A avalanche de produtores de mídia oferencendo conteúdo para equipamentos móveis da Apple mostra que o Flash não é mais necessário para assistir vídeo ou para consumir qualquer tipo de conteúdo web. Padrões abertos, como HTML5, criados na era dos equipamentos móveis, serão os vencedores nos celulares (e em computadores também). A Adobe deveria focar mais em criar boas ferramentas para HTML5 no futuro, deixando de criticar a Apple por ter deixado o passado para trás."

O Flash tem seu espaço e valor, não podemos negar. Se você possui um estúdio de produção de vídeo, uma banda de música, um site todo em Flash pode adicionar experiência de navegação e seu site pode ser divertido. Em outros casos, o Flash vem sendo usado para disfarçar um problema: a falta de conteúdo. Seus visitantes poderão se divertir com animações e movimentos, na única visita que farão ao site, e nenhum negócio será gerado.

Podemos afirmar que um site totalmente produzido em Flash, na maior parte dos casos, vai afastar clientes atuais e possíveis futuros clientes. Sites nesse formato são pesados, custam a abrir, são ruins de navegar e para quem quer achar um determinado produto ou serviço de imediato, seu site não será a resposta.

5) Ele abusa dos termos técnicos

Os profissionais amadores tentarão impressionar você. Em avalanche de vocabulário técnico, passarão especificações, afirmando produzir em HTML, PHP, Banco de dados, jQuery, Otimização, Joomla, etc. Mas o principal não é mostrado: os sites produzidos e os depoimentos dos clientes.


A Opera House tem a solução para o seu site

  • Nossos sites são produzidos para funcionar em qualquer navegador ou resolução. O site é entregue para o cliente devidamente testado;
  • Antes da publicação de seu site, é feita a otimização de todas as páginas para que ele seja facilmente rastreado pelos mecanismos de busca, isso inclui: ajustes dos códigos do site, escolha das melhores palavras chaves, inclusão de títulos, descrições e URLS.
  • Seu site é indicado ao Google;
  • Animação em flash somente no cabeçalho, nada que deixe ele pesado ou dificil de navegar;
  • Nossos serviços são aprovados pelos nossos clientes;
  • Temos profissionais devidamente capacitados, com anos de experiência;
  • Com nosso suporte eficiente você tem resposta em até 24 horas;
Contra fatos não há argumento. Confira os sites que criamos e leia o que os nossos clientes dizem a respeito do serviço da Opera House.
 
 

ver todos os depoimentos

Positive SSL